Sindicato dos Professores do Ensino Superior de Curitiba e Região Metropolitana
Portal do SINPES.
Sejam bem-vindos!
Curitiba, 03 de agosto de 2020.
 
Diante da atuação do Sinpes, Unibrasil recua na redução do salário dos professores

O Sindicato dos Professores do Ensino Superior de Curitiba e Região Metropolitana – Sinpes denunciou, na última semana, a redução salarial ilícita nos salários dos professores praticada pelo Centro Universitário Unibrasil. Os cortes chegaram, em alguns casos, a R$ 1 mil.
Diante da conduta do Unibrasil, o Sinpes tomou atitudes imediatas para combater esta ilegalidade. Já no dia 03 de abril, logo após ser informado que a instituição estava avisando os professores sobre a diminuição dos salários, o Sindicato encaminhou ofício ao Unibrasil expondo que as medidas anunciadas pela instituição eram ilegais e que os salários dos professores deveriam continuar sendo pagos em sua integralidade e na data prevista em lei. O Sindicato reforçou, também, os termos de ofício anterior, enviado a diversas instituições de ensino no início da quarentena: o período complexo e delicado pelo qual passamos não deve servir como justificativa para práticas abusivas por parte da instituição; ao contrário, evidencia-se ainda mais a importância do cuidado coletivo, do respeito aos direitos sociais e a necessidade de colocar a saúde, inclusive psicológica, dos empregados e da sociedade acima dos interesses da empresa.
Além de notificar formalmente o Unibrasil, o Sinpes se valeu de seu site, suas redes sociais e de seu contato com a imprensa curitibana para publicizar as ilegalidades cometidas pelo Centro Universitário. Por fim, o Sindicato encaminhou denúncia ao Ministério Público do Trabalho (MPT).
Aos nossos esforços se somaram também iniciativas dos alunos do Centro Universitário Unibrasil por meio do Centro Acadêmico Nise de Silveira, dos estudantes de Psicologia, e do Centro Acadêmico Romeu Felipe Bacellar (CARB), dos alunos da Escola de Direito, que emitiram notas públicas em defesa dos professores.
Assim, na manhã desta quinta-feira (16/04), o Sindicato recebeu a informação de que o Unibrasil retrocedeu em sua decisão e, entre ontem e hoje, realizou o pagamento aos professores dos valores indevidamente descontados do pagamento do mês de março. Seguiremos atentos em defesa dos professores!
O Sinpes reforça que é imprescindível que os professores informem qualquer ilegalidade ao sindicato. Garantimos absoluto sigilo nas denúncias, que podem ser feitas pelos emails: sinpes@sinpes.org.br/comunicacao@sinpes.org.br
Conheça os representantes do Sinpes na sua universidade:
Unibrasil
Professor Bernardo Kestring
Professor Edson Francisco Stein
Professora Paula Talita Cozero
PUC
Professora Darli de Fátima Sampaio
Professora Simone Hubert
Universidade Positivo
Professor Lawrence Estivalet de Mello
Professora Sandra Nodari – Licenciada da Diretoria do Sinpes
Universidade Tuiuti
Professor Claudio Henrique de Castro
Unicuritiba
Professor Carlos Magno Esteves Vasconcellos
Faculdade de Pinhais
Professor Fredy Estupiñan Carranza
Professores aposentados e que podem ser acionados por vocês:
Prof. Valdyr Perrini
Prof. Ilda Witiuk
Prof. Luiz Balcevicz
 
Diretoria do Sindicato dos Professores de Ensino Superior de Curitiba e Região Metropolitana – Sinpes.
Curitiba, 16 de abril de 2020.