Sindicato dos Professores do Ensino Superior de Curitiba e Região Metropolitana
Portal do SINPES.
Sejam bem-vindos!
Curitiba, 22 de fevereiro de 2020.
 
Sinpes Levará à Justiça as Contratações Irregulares da Facel e Novos Professores Poderão Ficar sem Seus Salários

É compreensível que em momentos de crise política e econômica como a que vivemos qualquer oportunidade para ampliar a receita por parte dos trabalhadores seja bem-vinda. Isso explica a facilidade com que a FACEL tem conseguido ludibriar professores contratando-os para substituir os professores grevistas mediante sedutoras propostas.

Todavia a contratação de docentes para substituir professores em greve legitimamente deflagrada e consequentemente esvaziar o movimento, constitui conduta vedada pela Lei 7.783/89, capaz de ensejar graves consequências para o empregador que assim procede e também para os que aceitam essa incumbência por falta de consciência de classe ou até mesmo ignorância acerca do que efetivamente está acontecendo.

Com o objetivo de viabilizar o movimento grevista e forçar a FACEL a retornar para a mesa de negociações apresentando plano para pagamento dos salários e do FGTS em atraso, o SINPES encaminhará a farta documentação comprobatória das contratações ilegais obtida por alunos e pelos professores que fazem parte do movimento para a Justiça do Trabalho e pedirá providência judicial que ponha fim a mais esta ilegalidade.

A provável consequência disso é que a FACEL deverá ser compelida a acabar com essas contratações irregulares, indenizar os grevistas em face do prejuízo impingido por não observar a lei de greve e pagar pesadas multas pelo descumprimento da lei.

É bem possível que nesse clima de incertezas e ilicitudes os professores admitidos desavisadamente acabem ficando sem seus empregos e, pior, sem o recebimento dos salários pelas aulas lecionadas.

Por isso o Sinpes convoca todos os professores da FACEL, inclusive os recentemente contratados para substituir professores grevistas para a Assembleia Geral a ser realizada no dia 30.03.2019 às 11h00min na sede do SINPES na Rua Marechal Deodoro 869, oportunidade em que os rumos do movimento serão decididos.

Diretoria do Sinpes.