Sindicato dos Professores do Ensino Superior de Curitiba e Região Metropolitana
Portal do SINPES.
Sejam bem-vindos!
Curitiba, 13 de dezembro de 2017.
 
Sinpes Cobra Mais Segurança da Universidade Positivo Após Queda de Vitral e Relato de Estupro Dentro do Campus

Após dois episódios graves que revelam displicência em relação à falta de segurança no ambiente universitário, a Universidade Positivo manteve-se em silêncio e não compareceu à última Mesa Redonda convocada pelo Sinpes – Sindicato dos Professores do Ensino Superior de Curitiba e da Região Metropolitana.

A reunião tinha como objetivo, fazer com que a UP prestasse os esclarecimentos necessários sobre a queda de um vitral em fevereiro deste ano, que feriu gravemente uma pessoa que passava pela Rua XV de Novembro, no Centro de Curitiba e a divulgação do estupro de uma estudante da IE, de 19 anos, que teria ocorrido em abril passado, no Campus Ecoville, pela precariedade das condições de iluminação e de segurança nos diversos espaços acadêmicos.

Apesar da relevância social desses acontecimentos, a UP simplesmente se omitiu e deixou os representantes do Sindicato esperando por 45 minutos, antes de a Mesa Redonda ser encerrada pelo não comparecimento das autoridades universitárias ao evento.

O Sinpes tem recebido diversas reclamações de alunos e professores que se queixam da falta de zelo pela integridade física de quem frequenta a Universidade Positivo. O Sindicato exige que medidas preventivas sejam adotadas para que episódios como estes jamais voltem a ocorrer e lamenta a prepotência dos responsáveis pela Universidade Positivo que optaram por não enfrentar o diálogo proposto pela entidade sindical.